7 programas clássicos dos anos 90

Olá, pessoal! Não sei vocês, mas eu estou amando essa tendência dos anos 90. Sou suspeita porque nasci em 1988, então vivi toda a minha infância nessa década. Tenho lembranças muito boas daquela época, mas tem algo em especial que me deixa morrendo de saudade: os programas de TV.

Pensem bem, a gente não tinha internet (ela surgiu mais para os últimos anos), celular era aquele tijolão, computador estava começando a ficar popular, então nossa diversão era mesmo a televisão. Preparei uma lista com algumas das atrações imperdíveis para você matar a saudade ou imaginar como deve ter sido.

Castelo Rá-Tim-Bum

Lembro direitinho do dia que esse programa estreou na TV Cultura. Era 1994, tinha seis anos, e só queria estar em casa a tempo de assistir. A história falava sobre três crianças (Biba, Pedro e Zequinha) que acabavam parando em um castelo e faziam amizade com os moradores de lá, incluindo o jovem bruxo Nino, seus tios (Morgana e Victor), a cobra Celeste, o ET Etevaldo, o monstrinho Mau e tantos outros personagens inesquecíveis.

O programa foi ao ar com episódios inéditos até 1997, mas ainda dá para ver algumas reprises no mesmo canal. Aqui em São Paulo, está rolando uma nova edição da exposição que recria alguns dos ambientes do castelo. Vale muito a pena!

castelo-ra-tim-bum

Planeta Xuxa

“Planeta Xuxa, uou uou uou uou Xuxa!”. Só falar nesse programa que eu já lembro da música-tema. Nos anos 90, a Xuxa tinha outro programa na Globo, o Xuxa Park, mas a gente amou quando o Planeta Xuxa estreou, em 1997, porque era mais voltado para adolescentes e eu, no alto dos meus nove anos, achava o máximo ver algo de “gente grande”.

O programa era exibido nas tardes de sábado, depois passou para as tardes de domingo, e tinha quadros que marcaram época, como o Transformação, em que uma menina da plateia era escolhida para mudar a cor ou o corte de cabelo, e o Intimidade, com perguntas bem indiscretas da Xuxa para seus convidados. O programa chegou a ser reprisado pelo canal Viva, mas dá para conferir alguns trechos no YouTube. Dá para ver várias das tendências que eram moda na época e que hoje voltaram a fazer sucesso. Foi um grande sucesso e saiu do ar em 2002.

planeta xuxa rede globo

Fantasia

Quando eu era pequena, o SBT era um dos meus canais favoritos. Tinha uma programação bem bacana para as crianças, mas também tinha muita coisa bizarra (e nossos pais deixavam a gente assistir, o que é mais bizarro ainda). O Fantasia era um desses casos e estreou em 1997 com quatro apresentadoras e várias dançarinas que faziam brincadeiras no ar. O mais legal de tudo é que os telespectadores ligavam e participavam dos jogos ao vivo. Eu AMAVA o Na Boca do Forno, em que você tinha que adivinhar em qual forno estava um bolo.

A primeira temporada durou até 1998, mas voltou logo depois com Carla Perez no comando (ela tinha acabado de sair do É O Tchan) e foi nessa época que ela protagonizou a pérola “I de Escola”. Houve ainda uma terceira temporada em 2000 e a quarta entre 2007 e 2008, nas madrugadas (nessa época, eu já estava na faculdade e foi MARAVILHOSO rever os quadros mais famosos).  

Fantasia

Disney Club

Nos anos 90, a TV por assinatura começava a surgir, mas não era tão comum. O que significa que a gente não tinha internet nem canal pago para ver desenhos. Foi por isso que o Disney Club, também do SBT, fez um enorme sucesso entre as crianças. O programa, na verdade, mostrava três crianças – entre elas, o Caju, que era o amor das meninas (inclusive o meu) – que se denominavam presidentes do CRUJ (Comitê Revolucionário Ultrajovem).

Eles eram responsáveis por exibir desenhos, como Timão e Pumba, A Turma do Pateta, A Pequena Sereia e Marsupilami. Era muito legal porque passava de segunda a sexta à noite, antes da primeira versão da novela Chiquititas, que também bombava. Então é impossível encontrar alguma criança que viveu nos anos 90 e que não saiba de onde vem a expressão “Cruj Cruj Cruj, tchau”. Experimente perguntar para o seu irmão mais velho, seu primo, seu tio…É um clássico!

Disney Club

Disk MTV

Ahhh que saudade da antiga MTV, gente! Como era legal! Pode até parecer difícil para quem nasceu na era pós-internet, mas houve um tempo em que a gente não tinha YouTube e precisávamos da MTV para ver os clipes das nossas bandas e cantores favoritos. O melhor programa dessa época era o Disk MTV, que passava de segunda a sexta, pontualmente às 18h, com a parada musical do dia. Você ligava para votar no clipe e os dez mais votados eram exibidos.

Essa hora era sagrada para mim. Naquela época, não tinha DVD, então eu deixava uma fita VHS no ponto para gravar meus clipes favoritos. Eu também marcava na agenda o dia e o horário das estreias dos clipes (principalmente dos Backstreet Boys) para não perder. O Disk começou junto com a estreia da MTV Brasil, em 1990, e ficou no ar até 2006.

Disk MTV

Lendas do Templo Perdido

Não me lembro exatamente quando comecei a ter TV paga em casa, mas sei que entre 1998 e 1999 eu era completamente viciada no canal Nickelodeon. Passava a tarde toda assistindo e adorava os desenhos, mas o horário das 13:30 era sagrado. Era quando passava Lendas do Templo Perdido, uma competição entre seis duplas em que apenas uma ganhava o direito de entrar em um templo e recuperar ruínas que valiam prêmios incríveis para a época, incluindo brinquedos e viagens.

Eu torcia para os Iguanas Laranjas e viciei minhas primas, passávamos nossas férias assistindo e torcendo feito doidas. Recentemente, revi alguns episódios no YouTube (tem vários!) com a minha irmã de dez anos e ela também ficou viciada. Foi realmente um marco na programação infantil dos anos 90 e a Nickelodeon produziu, no ano passado, um filme televisivo baseado no programa. Assisti o comecinho e parece bem legal.

Lendas do Templo Perdido

Topa Tudo Por Dinheiro e Domingo Legal

Para fechar a lista, trago mais dois programas bizarros do SBT. O Domingo Legal ainda passa nas manhãs de domingo, mas arrisco dizer que era o que eu mais gostava de assistir quando era criança. Tinha o famoso quadro da Prova da Banheira, em que os convidados entravam em uma banheira junto com uma modelo e precisam pegar sabonetes (sério, como deixavam a gente ver isso?). Também AMAVA o Gugu Na Minha Casa, em que o Gugu ia nas casas das pessoas e pedia para procurarem objetos nos cômodos. Eu tinha até o jogo de tabuleiro baseado nesse quadro.

Outro clássico da emissora é o Topa Tudo Por Dinheiro, que hoje virou o Programa Silvio Santos. Juro para vocês que eu pirava nas pegadinhas, eram bem mais legais dos que as feitas atualmente (tanto que algumas são reprisadas) e eu também amava as brincadeiras no palco. Minha maior realização nas férias era poder assistir o programa até o final, já que ele começava muito tarde e minha mãe não me deixava assistir para poder dormir cedo.

Topa Tudo Por Dinheiro

E você, lembra de algum programa que marcou sua infância?

Um beijo e até o próximo post!

Camilla(widget)

Acessem meu canal no YouTube ♥

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s